Comunicado da AAUTAD relativamente aos Serviços Académicos

27 Agosto 2020

À Academia,

 

Vivemos tempos desafiantes. Com a pandemia COVID-19, fomos obrigados a alterar os nossos hábitos e adaptar os nossos estilos de vida em prol da saúde pública e bem-estar de todos.

Não sendo exceção, também as Instituições de Ensino Superior tiveram de se adaptar ao novo panorama da sociedade, tendo adotado os esforços necessários para garantir o normal funcionamento das atividades letivas à distância, assim como os serviços da instituição, tendo os mesmos adotado um regime de teletrabalho. Para se conseguir tão nobre objetivo, foi necessário proceder também à extensão do período letivo, com consequente alteração dos prazos dos diversos processos académicos, nomeadamente para o mês de agosto.

Tendo este último facto em conta e sabendo das dificuldades inerentes aos regimes de teletrabalho e mesmo os limites do humanamente possível, a Associação Académica da UTAD tem vindo a receber a longo dos últimos meses várias denúncias dos estudantes da academia sobre a falta de resposta por parte dos Serviços Académicos da UTAD, falta de resposta esta que se tem agravado desde o mês de Julho e, em especial, durante o mês de Agosto.

Como referido nos pontos anteriores, vários dos processos académicos tiveram os seus prazos deslocados para este período, e muitos dos estudantes da nossa instituição apenas concluíram o seu ciclo de estudos no final do mês de julho. Com isto, vários estudantes apenas puderam requisitar os documentos referentes à conclusão do mesmo após esse período, não tendo em vários casos obtido as respostas e os documentos necessários para se candidatarem a novos ciclos ou a oportunidades de emprego. Verificou-se também uma capacidade diminuta em responder a questões de outras temáticas, como as inscrições para as épocas de exames ou os pedidos de referências para pagamento de propinas.

Entendendo claramente que, num ano normal, o mês de Agosto corresponde ao período de férias ao qual os trabalhadores da UTAD têm direito, e que este é um direito universal, devemos relembrar de que este se trata de um ano completamente atípico e que, com tantos prazos deslocados para este período, seria de esperar que a gestão da UTAD tivesse tomado medidas para garantir uma resposta mais fluída às necessidades dos estudantes, garantindo assim que estes não sairiam prejudicados nesta situação.

Tendo a AAUTAD recebido estas informações, reuniu com o Administrador Financeiro da UTAD, Dr. Paulo Ferraz, no sentido de lhe expor as denúncias relacionadas com os Serviços Académicos e encontrar soluções.

A AAUTAD encontra-se de momento a fazer o levantamento destes casos, pelo que pede a todos os estudantes que se encontrem nestas situações que nos contactem através de sos@aautad.pt, de modo a que possamos intervir e reivindicar por cada estudante.

No entretanto, podemos dar as seguintes garantias:

  • Alargamento do prazo de inscrição nos exames de época especial de setembro para 27 de agosto.
  • Abertura dos Serviços Académicos de forma presencial.
  • Todos os estudantes (sem exceção) podem realizar em setembro, sem limites de número de ECTS ou de UC, os exames de unidades curriculares (UC) a que se encontram inscritos no ano letivo de 2019/2020.

É necessário garantir as necessidades dos estudantes da nossa instituição. Nenhum estudante deve adiar o seu percurso académico ou profissional pela falta de resposta dos serviços da universidade.

A AAUTAD está solidária para com todos os estudantes e mostra-se disponível para ser parte da solução.

Este website usa cookies para melhorar a experiência do utilizador. Ao continuar a utilizar o website, assumimos que concorda com o uso de cookies. Aceito Ler Mais