AAUTAD contribui para escola em Moçambique

04 Junho 2018

A Associação Académica da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (AAUTAD) entregou no dia de ontem, um cheque no valor de 1792,98€ à Organização Não Governamental (ONG) Helpo, que servirá para ajudar a financiar a construção de uma escola em Moçambique. 
O valor do cheque representa um por cento do valor das receitas da Semana Académica da UTAD'18 e segundo Paula Teixeira, promotora da iniciativa e "madrinha" da ONG Helpo, o valor doado é "muito significativo", uma vez que a construção desta escola, mais concretamente na aldeia de Ngoma, no Norte de Moçambique, está orçada em trinta mil euros e o valor angariado até ao momento é de cerca de doze mil euros.
A contribuição da AAUTAD para com esta iniciativa partiu de um docente da academia transmontana, António Dias, que deu a conhecer à associação de estudantes a ONG Helpo, e se mostrou "muito feliz" pelo contributo dado, numa atitude de "cidadania global demonstrada pelos jovens da AAUTAD".
Presente na cerimónia de entregado cheque esteve Paula Seixas, pró-reitora da academia transmontana, que felicitou a AAUTAD pela iniciativa, destacando a necessidade de "apoiar cada vez mais o desenvolvimento de populações desfavorecidas".
Para a AAUTAD, este gesto não será único. António Vasconcelos, presidente da direção da associação, pretende "alocar a outras atividades recreativas organizadas pela AAUTAD, novas funções de apoio social, num modelo que ainda está a ser estudado".
 O dirigente académico sublinhou também o papel da AAUTAD em despertar um lado "mais solidário" e uma posição socialmente mais ativa dos estudantes da academia transmontana, que ficaram a conhecer a iniciativa "Ajuda-me a construir uma escola em Moçambique", através da contribuição da AAUTAD.